WEG fecha quarto trimestre de 2018 com alta de 11,7% no lucro

No ano, lucro líquido da fabricante de equipamentos subiu 17,2%. Área solar é destaque em GTD

Agência CanalEnergia 
20/02/2019

A fabricante de equipamentos WEG terminou o quarto trimestre de 2018 com lucro líquido de R$ 335,2 milhões, valor 11,7% maior que o apurado no mesmo período de 2017. A empresa divulgou os resultados financeiros neta quarta-feira, 20 de fevereiro. A receita líquida de vendas ficou em R$ 3,12 bilhões, subindo 16,9%  em comparação aos R$ 2,67 bilhões do mesmo trimestre do ano. O Ebitda da WEG subiu 30,2% no último trimestre de 2018, chegando a R$ 489,8 milhões.

No ano, o lucro líquido da empresa ficou em R$ 1,33 bilhão, valor 17,2% superior ao de 2017. A receita líquida de vendas no ano passado cresceu 25,7%, chegando a R$ 11,9 bilhões. Já o Ebitda registrado em 2018 é de R$ 1,82 bilhão, subindo 24,4%.

De acordo com a WEG, a receita em Geração, Transmissão e Distribuição de Energia caiu no trimestre, embora o destaque tenha ficado por conta da área de solar, com importantes projetos adicionados. As perspectivas da fabricante para a área estão altas, principalmente para Geração Distribuída, que vem tendo crescimento contínuo na entrada de pedidos nos últimos meses. A queda em GTD se explica uma vez que os últimos projetos de eólica em carteira estão sendo concluídos e já registraram menor receita ao longo do período. Ela já prevê reduções nos próximos trimestres, já que ele não terá projetos relevantes somados para a carteira. Na área de transmissão e distribuição, as trocas de governo em estatais do setor influenciaram na queda.

Para hídrica e biomassa, a melhora na entrada de pedidos se consolidou. Há a expectativa de continuidade do movimento para o ano, sinalizando estabilidade para os próximos meses. A WEG também passou a consolidar os resultados da fabricante de turbinas a vapor TGM.