Rio Energy recebe financiamento do BNDES de R$ 848 mi para complexo eólico

Projeto é formado por oito parques com capacidade instalada de 223,25 MW

Da Agência CanalEnergia Investimentos e Finanças
20/02/2017

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social aprovou financiamento no valor de R$ 847,9 milhões para implantação de oito parques eólicos que formam o Complexo Serra da Babilônia, na Bahia. O empréstimo representa 57% do investimento total da Rio Energy, no valor de R$ 1,48 bilhão, que proporcionará capacidade geradora de energia 223,25 MW, o equivalente ao consumo de 480 mil residências.

Os oito parques eólicos serão instalados nos municípios de Morro do Chapéu e Várzea Nova, na Bahia, assim como os sistemas de transmissão e, ainda, os investimentos sociais a serem realizados na região. Esse projeto se sagrou vencedor do 2º leilão de energia de reserva, em novembro de 2015, com prazo de fornecimento de 20 anos.

Ao todo, serão instalados 95 aerogeradores, com potência nominal de 2,35 MW e rotor de 98 metros de diâmetro. O projeto será conectado ao Sistema Interligado Nacional do Brasil (SIN) subestação de Morro do Chapéu II, de 230 kV, localizada a aproximadamente 75 Km do complexo eólico da Serra da Babilônia, em Morro do Chapéu (BA). A previsão de início de operação dos parques eólicos é em novembro de 2018.