Renova conclui venda do complexo eólico Umburanas para Engie

Negócio avaliado em R$ 16,9 milhões envolve três projetos e contratos de venda de energia

Da Agência CanalEnergia 
24/11/2017

A Renova Energia anunciou nesta sexta-feira, 24 de novembro, a conclusão da venda do Complexo Eólico Umburanas para a Engie Brasil Energia. O negócio está avaliado em R$ 16,937 milhões. O negócio envove três projetos, sendo um Umburanas II com contratos negociados no leilão A-5 de 2014. O Umburanas I, que vendeu energia no A-5 de 2013, foi descontratado no MCSD A4+, realizado em maio. Além disso, o Umburanas III refere-se ao potencial eólico remanescente detido pela empresa na região.

A Renova repassou em conjunto contratos de venda de energia no mercado livre, totalizando 165,2 MW médios, com vigência a partir de 1º de julho de 2019, incluindo com a Light. A empresa lembrou que o negócio foi aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica, com a aplicação de multa de R$ 3,8 milhões pelo cancelamento de quatro outorgas do projeto.

A transação não impacta nas negociações em curso com a Brookfield Energia Renovável, salientou a Renova Energia.