Rede Pontes Hotéis & Resorts migra para o mercado livre de energia

Contrato é o primeiro fechado pela comercializadora CPFL Brasil no segmento hoteleiro no Nordeste

Da Agência CanalEnergia Mercado Livre
26/12/2016

A CPFL Brasil, comercializadora do Grupo CPFL Energia, firmou o seu primeiro contrato de venda de energia 100% limpa no segmento hoteleiro do Nordeste. A companhia levou para o mercado livre três unidades da rede Pontes Hotéis & Resorts em Pernambuco - Mar Hotel Recife Conventions e Hotel Atlante Plaza, ambos em Recife, e o Summerville Beach Resort, em Porto de Galinhas.

A expectativa é que a operação proporcione uma economia de até 25% na conta de luz da rede hoteleira. Além do benefício econômico, o contrato tem um caráter de sustentabilidade. Isso porque 100% da energia consumida é proveniente de fontes alternativas do portfólio da CPFL Brasil, como usinas eólicas, térmicas a biomassa, pequenas centrais hidrelétricas e usina solar.

Segundo o diretor de Mercado da CPFL Brasil, Daniel Marrocos, como o consumo agregado dos três hotéis era inferior a demanda de 3 MW, a rede Pontes Hotéis & Resorts só poderia migrar para o mercado livre como cliente especial comprando energia dessas fontes. “Este é o primeiro contrato que firmamos com uma rede de hotéis na região Nordeste e está em linha com a nossa estratégia de diversificação de carteira de clientes e de expansão do mercado livre para novos segmentos da economia”, afirma.

O diretor Superintendente da rede Pontes Hotéis, Luis Guilherme Dubeux Pontes destaca a importância do contrato. “O pioneirismo está na essência do nosso negócio, e a parceria com a CPFL Brasil reflete isso. Fomos a primeira rede do Nordeste certificada pelo Instituto Falcão Bauer com a NBR 15.401, certificação de sustentabilidade para meios de hospedagem”, diz. “Os três hotéis representam o que há de melhor na hotelaria de Pernambuco, somam, ao todo, 822 unidades habitacionais e são atendidas por energia limpa, em uma busca permanente por uma atividade cada vez mais sustentável”, acrescenta.   O avanço no Nordeste e o contrato com o Pontes Hotéis & Resorts reforça a liderança da CPFL Brasil no mercado livre incentivado, formado por clientes com demanda de 500 kW a 3 MW, que só podem migrar se comprarem energia de fontes alternativas. Atualmente, esse ramo é um dos segmentos mais promissores do setor elétrico brasileiro. A expectativa é que, até o final do ano, 3,2 mil empresas estejam atendendo as suas necessidades energéticas por meio deste mercado. Hoje, a comercializadora da CPFL Energia é o maior grupo privado do setor elétrico detendo 18% de “market share” no mercado livre incentivado, com uma carteira de 276 clientes que movimentam 348 MW médios de energia.