GE inicia modernização elétrica de Itaipu

Contrato de três anos entre a companhia e Itaipu prevê atualização de 24 pontes rolantes e pórticos, essenciais para a elevação dos equipamentos pesados como turbinas hidráulicas e hidrogeradores

Da Agência CanalEnergia 
16/11/2018

O consórcio GE, estabelecido pela GE Power e CIE Sociedad Anonima, foi escolhido pela Itaipu Binacional para executar a modernização elétrica para as 24 pontes rolantes e pórticos da hidrelétrica, o que sinaliza os estágios iniciais do projeto de atualização do empreendimento.

Localizada na fronteira entre o Brasil e o Paraguai, a barragem atinge quase 200 metros de altura e 8 quilômetros de extensão e tem uma capacidade total de geração de 14 GW, o suficiente para atender 75% das necessidades totais de eletricidade do Paraguai e cerca de 15% do Brasil ao mesmo tempo.

Tendo produzido mais de 2,5 bilhões de MWh de energia desde 1984, a usina é a maior usina hidrelétrica do mundo em energia acumulada e a segunda em termos de potência instalada. Recentemente, a companhia anunciou um programa de 10 anos para modernizar a UHE, substituindo os equipamentos obsoletos instalados há 30 anos por tecnologias e máquinas mais avançadas.

O contrato de três anos entre o consórcio e Itaipu se concentrará na modernização elétrica das 24 pontes rolantes e pórticos, essenciais para a elevação dos equipamentos pesados, como turbinas hidráulicas e os hidrogeradores.

Os equipamentos de elevação de cargas, datados de 1984, tem capacidade de elevação entre 10 e 1000 toneladas. Para essa missão, a fabricante fornecerá motores AC, inversores de frequência e controladores lógicos programáveis, que ajudarão a prolongar a vida útil dos equipamentos por mais 20 anos. Esta atualização será o primeiro passo do projeto de modernização global.

Para Mauro José Corbellini, diretor técnico executivo da Itaipu Binacional, a modernização do empreendimento dará uma nova vida às infraestruturas de décadas, sendo a parceria com a GE o primeiro passo crucial para iniciar a jornada.

Já Gagan Sood, Líder de Segmento de Energia, Energia e Eólica da GE Power Conversion, mostrou-se entusiasmado com a parceria e por fazer parte desse vasto projeto de modernização, ajudando Itaipu a melhorar seu fornecimento de energia e manter seu papel fundamental na geração de energia limpa para o Paraguai e o Brasil.

“Nossos equipamentos elétricos ajudarão as 24 pontes rolantes e pórticos a operar de forma eficaz e segura, permitindo que eles unam os principais equipamentos da planta com precisão e eficiência”, avaliou.

Na visão de Azeez Mohammed, presidente e CEO da GE Power Conversion, o projeto de modernização de uma década ajudará a usina hidrelétrica de Itaipu a continuar fornecendo uma energia colossal. “A eletrificação é a nossa força para perpetuar nosso compromisso de desenvolver energia hidrelétrica como um recurso de energia eficiente, viável e sustentável, seja por meio de novas construções ou atualizações”, comentou o executivo.