EPE: A-4 cadastra 51.204 MW em 1.581 empreendimentos

Fonte solar lidera por fonte, com 26.523 MW cadastrados

Da Agência CanalEnergia 
08/04/2019

A Empresa de Pesquisa Energética cadastrou 1.581 empreendimentos para o leilão de energia A-4, somando 51.204 MW. O certame será realizado em junho deste ano. A fonte solar liderou dessa vez, cadastrando 26.253 MW em 751 projetos, sendo seguida pela eólica, que teve 23.110 MW também em 751 projetos. Foram cadastradas ainda quatro UHEs, que somam 164 MW. As PCHs conseguiram reunir 44 projetos em 606 MW e as CGHs somaram 32 MW em 12 empreendimentos. As  térmicas a biomassa somaram 1.039 MW em 19 projetos.

De acordo com a EPE, do total de projetos cadastrados, 47% optaram por aproveitar o cadastramento dos Leilões de Energia Nova de 2018, conforme permitido pelo Ministério de Minas e Energia. Foram cadastrados desta maneira 66% dos empreendimentos eólicos e 27% dos fotovoltaicos. Os projetos foram dispensados da reapresentação de todos os documentos, desde que as suas características técnicas ficassem inalteradas.

Por estados, a Bahia ficou com a primeira posição, cadastrando 456 projetos que somam 14 GW. O Rio Grande do Norte veio em seguida, com 10.518 MW em 305 empreendimentos. O Piauí ficou com a terceira colocação, com 8.782 MW em 258 projetos. A EPE também publicou o caso base com os arquivos de dados para os modelos Newave e Suishi, usados no cálculo e revisão das Garantias Físicas dos empreendimentos com previsão de despacho centralizado, para participação no leilão e o conjunto dos Custos Marginais de Operação que serão utilizados no cálculo dos valores esperados do Custo de Operação e do Custo Econômico de Curto Prazo dos empreendimentos de geração termelétrica para o certame.