Chesf lucra de R$ 370,3 milhões no primeiro semestre

Ebitda no período subiu 110,2% e investimentos somaram R$ 556,5 milhões

Da Agência CanalEnergia 
14/08/2017

A Chesf registrou lucro de R$ 370,3 milhões no primeiro semestre de 2017. O seu Ebitda no período chegou ao montante de R$ 509,5 milhões, contra R$ 242,4 milhões, no mesmo período do ano anterior, representando um crescimento de 110,2%.  Este ano, a subsidiária da Eletrobras já realizou investimentos de R$ 556,5 milhões, sendo que R$ 350,9 milhões foi na expansão do seu sistema, com R$ 231,6 milhões para obras do sistema de transmissão e R$ 104,9 milhões em geração de energia e outros R$ 14,4 milhões na infraestrutura da companhia.

Os investimentos em parcerias somaram R$ 205,6 milhões nas Sociedades de Propósito Específico, onde a Chesf é acionista, neste semestre de 2017. A maioria dos empreendimentos, em parceria, entrou em operação ou estão em fase de conclusão, portanto, reduzindo substancialmente a necessidade de aportes de recursos, quando comparados com os desembolsos efetuados nos anos de 2015 e 2016.

Representando uma das etapas previstas no Plano Diretor de Negócios e Gestão 2017/2021, neste semestre a empresa lançou um Plano de Aposentadoria Extraordinária que contou com a adesão de 439 empregados, com desligamento previsto para ser realizado no segundo semestre de 2017. Este plano proporcionará, para a Companhia, uma economia anual de aproximadamente R$ 139,2 milhões, sendo um importante componente para redução dos gastos operacionais.

Ainda no âmbito do PDNG, neste semestre a Chesf iniciou o processo de transferência de algumas participações acionárias, em SPEs, de geração eólica e de transmissão, para a Eletrobras. Esta operação tem por objetivo promover a quitação de dívidas da companhia com sua controladora, reduzindo seu grau de endividamento e consequentemente melhorando o resultado e os índices financeiros para o médio e longo prazo.