Anheuser-Busch vai comprar energia de eólica da EGP nos EUA

Projeto Eólico Thunder Ranch é primeira grande iniciativa da empresa cervejeira para ser totalmente suprida por renováveis até 2025

Da Agência CanalEnergia 
14/09/2017

A Anheuser-Busch e a Enel Green Power anunciaram na última quarta-feira, 14 de setembro, que assinaram contrato de compra de energia em que a primeira compra a energia entregue à rede e os créditos de energia renovável de uma parte do projeto eólico de Thunder Ranch da EGP, num montante total de 152,5 MW. A parceria será o primeiro projeto de escala para a compra de serviços públicos pela empresa cervejeira, que passará a operar assim que o parque eólico entrar em operação, o que deve acontecer até o final de 2017. Esse é o principal compromisso com energia renovável assinado por uma cervejeira até o presente. Ela visa atender o compromisso global da matriz da Anheuser-Busch de obter 100% da eletricidade a partir de fontes renováveis até 2025.

De acordo com João Castro Neves, presidente e CEO da Anheuser-Busch, ajudar a fomentar o mercado de energia renovável não é bom apenas para o meio ambiente, é uma jogada de negócios estratégica, já que a empresa está pensando na sustentabilidade a longo prazo. Ele reforça que a parceria com a Enel estabelece um exemplo de como as grandes empresas podem ajudar a fazer diferença nas mudanças climáticas. Para Antonio Cammisecra, CEO da Enel Green Power, o acordo é outro marco importante para a empresa nos EUA e em todo o mundo. Segundo ele, a escolha da EGP como parceira ajuda a AB a alcançar seus objetivos de sustentabilidade, uma vez que ela fornece soluções personalizadas de energia renovável.

A EGP venderá à Anheuser-Busch a energia elétrica disponibilizada no parque Thunder Ranch. Espera-se que a produção atinja cerca de 610 GWh de energia renovável por ano, suficiente para produzir mais de 20 bilhões de latas de cerveja por ano. Ao mesmo tempo, a energia renovável produzirá cerca de 50% da energia comprada por ano pela Anheuser-Busch, um aumento substancial, em comparação aos atuais 2% gerados por instalações de energia solar e eólica instaladas nas suas principais sedes dos EUA. O contrato é capaz de suprir energia para 50 mil famílias nos EUA e estima reduzir as emissões em mais de 400 mil toneladas de CO2 por ano, o que equivale a tirar mais de 85 mil veículos norte-americanos de circulação por ano.

O parque eólico fica localizado nos condados de Garfield, Kay e Noble, Oklahoma e é composto por duas fases que soma 298 MW de capacidade. Ele vai gerar cerca de 400 empregos temporários no pico da construção. Assim que começar a operar plenamente, o Thunder Ranch poderá gerar mais de 1.100 GWh por ano, o que equivale à quantidade de eletricidade consumida anualmente em aproximadamente 89.400 casas dos EUA. O investimento global no Thunder Ranch equivale a aproximadamente US$ 435 milhões, fazendo parte do investimento previsto no atual plano estratégico da Enel.