Aneel aprova 28,6 MW eólicos para operação comercial na Bahia

Agência também autorizou testes nas EOLs Dreen Guajiru e GE Jangada, ambas no Rio Grande do Norte, e PCH Dores de Guanhães, em Minas Gerais

Da Agência CanalEnergia 
10/09/2018

A Agência Nacional de Energia Elétrica aprovou a operação comercial da usina de geração eólica denominada Ventos da Bahia I, de acordo com despacho publicado nesta segunda-feira, 10 de setembro, no Diário Oficial da União. A EOL teve 13 unidades geradoras de 2,2 MW contempladas pelo parecer, somando 28,6 MW de potência liberada no município de Mulungu do Morro, na Bahia.

A Aneel também liberou para testes 13 aerogeradores de 2,1 MW cada da usina GE Jangada, num total de 23,1 MW de capacidade em São Bento do Norte, no Rio Grande do Norte. Na mesma cidade e em Pedra Grande (RN) também fica a EOL Dreen Guajiru, que teve 11 unidades geradoras aprovadas pelo órgão regulador, somando 21 MW.

Outro empreendimento a contar com a liberação foi a PCH Dores de Guanhães, que teve uma turbina de 7 MW confirmada pela Agência.