Engie doa 264 painéis solares para Parque Madureira

Painéis são responsáveis por gerar uma média anual de 131.434 KWh em área pública do Rio de Janeiro

Da Agência CanalEnergia Consumidor
03/01/2017

A Engie investiu na sustentabilidade do Parque Madureira, localizado na zona Norte do Rio de Janeiro, com a doação de 264 módulos fotovoltaicos, instalados no novo Edifício Multiuso do local, que foi inaugurado no dia 24 de dezembro. Os painéis são responsáveis por gerar uma média anual de 131.434 kWh, o que corresponde ao consumo de 50 famílias. O novo prédio foi construído para abrigar todas as atividades culturais do Parque, que foi ampliado. Na inauguração, no sábado, estiveram presentes o prefeito do Rio, Eduardo Paes, e o presidente da Engie Brasil , Maurício Bähr.

Segundo Bähr, essa iniciativa está alinhada a estratégia da Engie de aumentar ainda mais a sua atuação em fontes renováveis, contribuindo para um mundo mais sustentável e com menos emissões. “Estudos mostraram que as placas solares instaladas no parque vão reduzir a emissão anual de CO2 em 69.600 kg, o correspondente a 3.322 árvores plantadas ou 856 mil km rodados de um carro popular”, diz Bähr. Inaugurado em 2012 e ampliado pela primeira vez em 2015, o Parque é considerado o primeiro sustentável do Rio de Janeiro, reunindo soluções que contribuem para a economia de água, energia e a integração e o bem-estar de 200 mil pessoas que são beneficiadas pelo espaço. Terceiro maior parque público do Rio de Janeiro, o Parque Madureira leva diversão, lazer e cultura para a região, em 450 mil metros quadrados e ampla infraestrutura.

Com a nova ampliação, o espaço de lazer passa a ter o teatro a céu aberto Zaquia Jorge, que homenageia a vedete e estrela do teatro de revista, com capacidade para 391 pessoas sentadas e 1.000 em pé. O edifício multiuso, construído segundo as mais modernas técnicas de sustentabilidade, está aberto para diferentes atividades e abriga a exposição “Parque Madureira: um sonho concretizado”.