BYD vai entregar 200 caminhões elétricos para coleta de lixo no Brasil

Acordo com a Corpus Saneamento e Obras Ltda representa o maior negócio já empreendido pela empresa fora da China; Veículos poderão ser operados por cerca de 200 km ou oito horas, após carga única de até duas horas

Da Agência CanalEnergia 
28/05/2018

A chinesa BYD assinou um contrato para entrega de 200 caminhões compactadores de lixo e 100% elétricos ao Brasil, formando a maior parceria deste tipo para a empresa na América Latina. A aquisição foi feita pela Corpus Saneamento e Obras Ltda., que terá seus primeiros 20 caminhões eT8A entregues em setembro. Os demais veículos serão entregues em lotes de quantidade semelhante até 2023.

Os caminhões elétricos serão fabricados na cidade chinesa de Changsham e podem ser operados por cerca de 200 km ou oito horas, após carga única de até duas horas. O veículo compactador de lixo desenvolvido pera empresa chinesa pode pesar mais de 21 toneladas quando cheio até sua capacidade máxima, assim como potência máxima de arranque de 180kW e torque de 1500Nm.

Wang Chuanfu, presidente da BYD, esteve presente na cerimônia que selou o acordo entre as empresas e comentou sobre as motivações da parceria. “Emissões automobilísticas e poluição sonora são dois dos principais problemas urbanos”, afirmou, completando que “as tecnologias da BYD resolvem esses problemas enquanto tornam o Brasil um lugar melhor para se viver”.

A empresa construiu duas fábricas em Campinas desde que entrou no mercado brasileiro em 2010. As unidades, que fabricam ônibus e painéis solares, criaram mais de 400 empregos para a comunidade local. Os carros e6 operam como táxi e como veículos policiais.

“Essa compra é um desenvolvimento natural para nós após teste bem-sucedido iniciado em outubro de 2016. Estamos muito orgulhosos por sermos a primeira empresa da América Latina a operar uma frota dessa natureza e tamanho”, declarou o Gerente Geral de Negócios Privados da Corpus, André Valente.

A companhia chinesa já vendeu cerca de 130.000 unidades de veículos 100% elétricos durante 2017, alcançando o primeiro lugar no ranking mundial em vendas de veículos elétricos pelo terceiro ano consecutivo.